A carboxiterapia consiste na infusão tecidual controlada de gás carbônico medicinal (dióxido de carbono/CO²) através de uma fina agulha, tendo como objetivo a vasodilatação periférica e melhora da oxigenação tecidual. O gás carbônico é um gás atóxico e não embólico, próprio para o procedimento.

Agende já uma AVALIAÇÃO GRATUITA
Como age?

O gás carbônico atua diretamente na região aplicada, é rapidamente absorvido e eliminado pelo sistema circulatório, ficando apenas o efeito vasodilatador e seus benefícios. O tratamento pode gerar várias respostas fisiológicas, dependendo do fluxo e volume do gás e da região tratada, as principais ações locais são o aumento do fluxo sanguíneo, melhora da oxigenação, aumento do metabolismo, estímulo da queima de gordura, estímulo de colágeno.

Quais são as indicações?

A carboxiterapia é indicada para tratamento de celulite, gordura localizada, flacidez, estrias, fibroses, calvície, olheiras, rejuvenescimento facial e corporal

Carboxiterapia dói?

A carboxiterapia é um tratamento levemente doloroso, pois provoca a distensão do tecido. Porém nós utilizamos o Plúria HTM, um aparelho moderno e de alta tecnologia digital que foi projetado para controlar com precisão a temperatura, fluxo e volume de gás durante a aplicação, proporcionando um completo atendimento. O aquecimento progressivo do gás na hora da aplicação reduz o desconforto para o paciente.

Quais são as intercorrências e os cuidados?

A carboxiterapia é uma técnica segura, sem complicações. Na região em que foi realizado o procedimento pode ser observados efeitos momentâneos que passarão em algumas horas, como eritema, inchaço, ardência e sensibilidade, pode haver também a formação de hematomas, que desaparecerá ao longo da semana, neste caso é indicado não expor a região ao sol.

Quais são as contra indicações?

Alergias ativas na região a ser tratada, doenças pulmonares, doenças cardíacas, gravidez.